Habilidades essenciais do Gerente de Projetos

Como planejar, organizar e gerenciar os recursos necessários para realizar uma determinada tarefa? Esse é o desafio de cada Gerente de Projetos. Uma boa ideia seria usar um programa de Gerenciamento de Projetos: qualquer uma das opções existentes no mercado facilitará muitíssimo o processo de gerenciamento do tempo e determinar as prioridades, à medida que o projeto avança. Eles também ajudam a aumentar a produtividade dos membros e da equipe em si. Mas além das ferramentas técnicas, quais habilidades específicas um gerente de projeto deve ter?

Administração do tempo

A capacidade do Gerente de Projetos para administrar seu próprio tempo e o dos seus colaboradores será vital. Mas também é essencial que você saiba como atribuir os tempos a cada etapa do plano, analisar prioridades e delegar tarefas que não são essenciais para o sucesso do projeto.

Administração do orçamento

Independentemente do fato de que a área de finanças pode assumir o controle geral dos números das empresas, o Gerente do Projetos deve estar ciente dos seus recursos, quanto dinheiro tem para realizar o projeto, como gerenciá-lo e controlá-lo à medida que ele avança, já que terá que prestar contas no futuro sobre o uso desses recursos. Para ter uma ideia mais assertiva sobre as economias ou despesas extras, você deve monitorar como o custo real das estimativas varia no começo.

Comunicação

Nós já nos referimos a este ponto em postagens anteriores. Se é essencial que qualquer gerente tenha habilidades de comunicação, muito mais um Gerente de Projetos. O desafio deles é ainda maior: lidar com diversos colaboradores que unirão forças para alcançar o objetivo comum. É importante, então, que o Gerente de Projetos organize um critério que saiba como transmiti-lo e que funcione sinergicamente com toda a equipe para atingir os objetivos. Suas habilidades de comunicação devem ser aplicadas em todas as fases do projeto: você terá que ser um bom líder e comunicador ao trocar ideias, procurar feedback, pesquisar soluções, fazer ajustes no plano e no resto das instâncias do projeto. Por outro lado, o Gerente de Projetos deve deixar claro com seus colaboradores quais são as responsabilidades de cada um, o que é esperado deles e qual é a contribuição deles para a equipe.

Trabalho em equipe

O Gerente de Projetos, além de ser um bom líder, deve motivar o time e fazê-lo participar do projeto. Os membros da equipe devem sentir que são parte dela e o Gerente de Projetos deve encorajá-los a apresentar suas ideias. Além disso, ele deve ter a capacidade de delegar responsabilidades (esta é uma das chaves da liderança). Ao mesmo tempo, cada membro da equipe deve ser responsável por essas tarefas e reportar o progresso regularmente.

Coordenação

Organizar o trabalho da equipe e as etapas do projeto não é uma tarefa fácil. A coordenação é o que permitirá cumprir com o prazo, a forma e tudo com base no orçamento. O desafio do Gerente de Projetos é precisamente coordenar várias tarefas simultaneamente. Em seguida, será essencial que o PM revise periodicamente com sua equipe o plano macro, os avanços diários e possíveis desvios que possam surgir. O gerenciamento de riscos é outra habilidade chave que o Gerente de Projetos deve possuir, ou seja, a capacidade de mitigar os riscos que podem surgir ao longo do tempo.

Flexibilidade

Ao gerenciar um projeto, é provável que, à medida que avance, surjam divergências entre o que foi planejado e os resultados reais (alterações nos prazos, perdas na equipe, etc.). Isso não deve ser uma fonte de frustração. O Gerente de Projetos deve ser flexível o suficiente para se adaptar a essas circunstâncias: em vez de se preocupar e ficar procurando “culpados” ou analisar o que poderia ter sido feito de forma diferente, é preferível concentrar-se na resolução do problema e fazer os ajustes necessários. Esta será a chave para realizar reuniões regulares com a equipe, ver o progresso e eventualmente corrigir o que for necessário.

Sempre será fundamental que o Gerente de Projetos seja muito claro sobre a direção para onde está indo. Você deve traçar o plano geral e conhecê-lo perfeitamente, em cada uma das suas etapas. Um fator importante para o sucesso do projeto será formar uma equipe excelente com profissionais qualificados e experientes: para isso, existe a Workana, que te ajuda a encontrar os melhores talentos remotos na América Latina 🙂

Por: Jesica Mraz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *