7 chaves para administrar as suas Finanças Pessoais 100% livre de dívidas

7 chaves para administrar as suas Finanças Pessoais 100% livre de dívidas

Um dos principais desafios de quem quer trabalhar como freelancer em tempo integral é saber administrar suas finanças pessoais.

Afinal, você passa a ser responsável por sua renda e precisa pagar contas, poupar para realizar sonhos e viver confortavelmente.

No entanto, por falta de preparo, é comum que alguns freelancers não consigam se organizar, principalmente em seu primeiro ano de atuação, colocando seus objetivos financeiros em risco.

Para você ter uma ideia, 16% dos microempreendedores individuais do Brasil estão em situação de inadimplência, segundo dados do Ministério da Indústria. E mais: 1,2 milhão de MEIs (profissionais autônomos) perderão seu CNPJ até dezembro de 2017. É bastante gente, não é mesmo?

Mas, calma.

Com um bom planejamento e evitando alguns erros, você vai conseguir manter-se em dia com suas taxas e contas, e ainda se organizar para fazer aquela viagem ou comprar aquele produto que você tanto deseja, trabalhando como freelancer.

Abaixo você confere 7 chaves para tornar isso possível:

#1 Tenha objetivos

O primeiro passo para administrar suas finanças é ter objetivos bem claros. Eles precisam ser divididos entre curto, médio e longo prazo. Anote tudo e com bastante atenção, definindo bem suas metas. Exemplo:

Curto prazo:

  •        Quitar dívida X
  •        Comprar aparelho X para o trabalho

Médio prazo:

  •        Retomar curso de idiomas
  •        Trocar de computador
  •        Quitar dívida Y

Longo prazo:

  •        Viagem X

Ajuste suas metas de acordo com seus planos e necessidades e então comece a se organizar, definindo quantas horas por dia você precisará trabalhar para alcançá-las.

#2 Tenha uma estratégia

Após definir suas metas, defina o quanto você precisará economizar mensalmente de sua remuneração até cada data do planejamento, para que conseguir o que deseja.

#3 Saiba quanto você gasta

É importante que o freelancer saiba quanto gasta com despesas pessoais e com o trabalho.

Mensalmente, você precisa saber com clareza quanto vai gastar com água, luz, celular, aluguel... enfim, suas finanças pessoais. Já anuidades de softwares, equipamentos novos e impostos em geral são despesas de trabalho. Separe as duas seções e anote tudo, para ter mais controle.

#4 Ter uma planilha de acompanhamento

Com esses dados bem claros, hora da parte prática. Você precisa ter uma planilha de acompanhamento de despesas, para saber direitinho quanto está entrando de dinheiro e quanto está saindo.

É nela que você vai registrar todos os números mensais e também acompanhar o que precisa ser reduzido ou economizado. Uma boa dica é baixar uma planilha personalizável, na qual você pode inserir seus dados e contas. 

Você pode fazer download de uma planilha personalizável clicando aqui! 🙂

#5 Defina o seu salário

É mega importante que você defina sua remuneração mensal. Isso significa que você precisa calcular o quanto quer ganhar por mês como freelancer ou empreendedor para conseguir cobrir todas as despesas e viver a vida que você deseja viver (de maneira realista, claro).

Uma ótima maneira de saber quanto cobrar por seus projetos e como se organizar financeiramente com eles é utilizar a Calculadora Freela, da Workana.

De fácil uso, a Calculadora Freela pode ter dar uma ideia mais clara do quanto você precisa ganhar por hora para conseguir alcançar a remuneração ideal em cada mês.

#6 Economize

Enquanto estiver em busca de seus objetivos e estiver iniciando sua carreira como freelancer ou microempreendedor, nada de gastos supérfluos.

Ou seja: você vai cortar das suas despesas tudo o que não estiver dentro dos objetivos ou não te ajudar em nada a chegar mais perto deles.

#7 Cumpra as metas traçadas

Depois de tanta organização, vem a parte que requer mais dedicação: cumpra as metas! Trabalhe de acordo com o que planejou e lembre-se que, enquanto freelancer, oscilações podem acontecer.

Portanto, é primordial que você tenha disciplina e bastante dedicação. Dessa forma sua carreira e suas finanças serão um verdadeiro sucesso!

Esperamos que você aproveite estas dicas e acabe de vez com as suas dívidas para aproveitar 100% dos seus ganhos como freelancer! 😀

E não se esqueça que há vários projetos na Workana esperando por você. Clique aqui e comece a trabalhar!