As 5 melhores experiências UX/UI de 2017

A área de UX e UI Design está em alta, atraindo cada vez mais profissionais interessados. E a remuneração é interessante: o valor médio da hora de trabalho no nicho é de US$30, o que equivale aproximadamente a R$100, segundo cotações médias de novembro de 2017.

Mas o que é, essencialmente, e como funciona a modalidade? Vamos entender melhor?

O UI Design (Design de Interface do Usuário) lida diretamente com o meio em que a pessoa interage com um aplicativo, software ou programa. Está ligado diretamente à interação entre o usuário e o dispositivo em questão. Quanto melhor e mais prática for essa interação, mais o aplicativo será reconhecido como “user-friendly”, ou seja: a experiência é “amigável” e de “fácil” uso.

Já o UX Design tem um sentido um tanto quanto mais “profundo”. Ele está diretamente relacionado com os sentimentos do usuário. Ou seja, o profissional, que deseja trabalhar com UX precisa entender e avaliar como o usuário se sente a respeito de um aplicativo ou sistema, considerando utilidade, percepção de valor, eficiência e rapidez na hora de executar as tarefas, se antecipando a problemas que possam surgir.

Num resumão, o UX Design é a experiência sensorial e emocional do usuário e o UI é a parte “física” e prática, que faz as coisas acontecerem.

A seguir você confere exemplos reais de boas experiências UX/UI para se inspirar e criar projetos incríveis para os seus clientes! Dá uma olhada:

1. Skype

O Skype já é um velho conhecido no reino dos comunicadores, mas foram suas renovações que fizeram com que o app figurasse no top 5 melhores experiências UX Design de 2017.

Utilizado por milhões de pessoas ao redor do mundo, a experiência do usuário foi colocada como prioridade para que eles pudessem ter um aplicativo mais natural, prático e recheado com novas funcionalidades, facilitando o chat e deixando a aparência do app muito mais moderna.

2. Spotify

O serviço que oferece streaming de músicas foi lançado uma década atrás e chegou em 2017 com um sucesso estrondoso. Dos cem milhões de usuários, aproximadamente 50% aderiram ao plano “premium”, o que tem gerado lucros enormes para a marca.

O design simples do aplicativo móvel não deixa nada a desejar em comparação com o aplicativo para desktop. Os usuários podem criar playlists, editá-las, ouvir música em fila ou em modo aleatório.

A Apple Music e o Tidal continuam tentado acompanhar o sucesso do Spotify, mas ainda não conseguiram encantar o usuário como o concorrente.

3. AirBnb

O serviço que permite alugar casas e apartamentos por curtos períodos em milhares de cidades do mundo é o preferido por viajantes jovens em férias.

Atuante em 191 países, o aplicativo ganhou recentemente uma atualização que permite o aluguel de um imóvel de forma instantânea e rápida.

Sua interface é limpa e descomplicada: o usuário digita em que cidade pretende se hospedar e imediatamente pode selecionar o local ideal de acordo com datas disponíveis, quantidade de hóspedes e orçamento que dispõe para a viagem.

4. Trello

Também com crescimento espetacular em 2017, o Trello é um organizador virtual já adotado por diversas empresas e profissionais freelances ao redor do mundo.

Gratuito, o Trello é um bom exemplo de UX Design no sentido de que não possui várias ferramentas desnecessárias. Com visual muito simples, ele vai direto ao ponto: de fácil compreensão, o usuário não precisa utilizar o app inúmeras vezes até “aprender a mexer” nele.

Para marcar uma tarefa como realizada, basta arrastá-la de um quadro para outro.

5. Path

O Path é uma rede social para dispositivos móveis, totalmente voltado para o compartilhamento de fotos e mensagens. Ele também permite TAGs e comentários, além de mensagens diretas.

O aplicativo possui um design muito bonito, com o qual o usuário pode lidar de maneira rápida e prática, sem mensagens supérfluas nem diversos níveis e janelas até que consiga postar o que deseja. A interface e o menu de navegação são igualmente simples, mas com detalhes gentis que agradam o usuário e o deixam interessado em utilizar a ferramenta.

Como você pode notar, a experiência que o usuário tem com um aplicativo ou programa influi diretamente com os lucros que uma marca pode conquistar, assim como o grande alcance ao redor do mundo. 😉

Se você está buscando uma nova área para se especializar e conseguir mais clientes, UX e UI Design são uma excelente opção! E se você já é um designer especialista em UX, aproveite! O mercado está excelente para você, e na Workana já temos vários projetos esperando pela sua proposta.

Redatora e tradutora freelancer. Apaixonada por literatura, empreendimentos, novidades e tecnologia.

Inscreva-se à newsletter da Workana e mantenha-se atualizado