Como ser um excelente Profissional

Como ser um excelente Profissional

Como freelancers, logo depois de criar nosso perfil, é normal ter certas dúvidas ou medos relacionados a… “E agora como continuo?” Mas, não se preocupe! Neste artigo te daremos alguns conselhos para te ajudar a começar e impulsionar a sua carreira freelance dentro da Workana.

 

Antes de qualquer passo, é necessário que tenha uma atenção especial com a construção do seu perfil na plataforma, pois este será a sua carta de apresentação frente aos seus futuros clientes e o que coloque aí, será chave para começar.

 

Tome um tempo para organizar os seus conhecimentos e experiências e faça as seguintes perguntas:

  • Em qual área tenho mais experiência? Em qual delas sou um profissional excelente?
  • Quais habilidades tenho como profissional?
  • Quais das minhas experiências laborais anteriores validam estas habilidades?
  • Qual frase me identifica como profissional e pessoa?
  • A quais tipos de projetos eu aspiro? Qual informação eu precisaria se fosse um cliente na hora de me contratar para um trabalho?

 

Também é recomendado ter um portfólio, onde você possa mostrar os seus trabalhos visualmente. Dependendo da área em que você trabalhe, este passo acrescentará muitos pontos.

 

Estabeleça um horário laboral e cumpra-lo, pois sendo um freelancer é indispensável ser disciplinado e organizado. Isso nos ajudará no dia a dia, evitando que nos sobressaturemos de tarefas e não possamos dar uma resposta satisfatória ao nosso cliente

 

Estipule também uma metodologia de trabalho, um passo a passo do que fará cada vez que envie uma proposta e seja selecionado para o projeto. Com isso, poderá conversar e combinar com o seu cliente todos os detalhes do projeto e definir como será realizado o trabalho. Para isso, considere:

  • Seu horário de trabalho. Quantos projetos poderá pegar por semana ou por mês; quais tipos de projetos você pode realizar nesse período de tempo; qual tempo disponibilizará aos seus projetos já contratados e que tempo dedicará para a busca de novos clientes, etc.
  • Como será a sua comunicação e feedback com o cliente. De acordo com cada tipo de trabalho, você precisa entrar em contato com o cliente a cada certo tempo para conversar e alinhar o trabalho que se está realizando. Combine sempre com o seu cliente feedbacks cada X dias e horários. Isso será muito útil quando tenha diferentes projetos em andamento e necessite se focar em cada um deles, evitando que o contato com o cliente seja demasiado ou muito pouco fluido e assim, poder finalizar o serviço sempre da melhor maneira possível.
  • Quanto você pode ajudar o seu cliente? Sempre. Enquanto se executa um projeto, é possível que surjam novos requerimentos. Nestes casos, posso ajudá-lo um pouco mais? Quais são os tipos de ajustes que posso fazer sobre o trabalho entregue? Quantas mudanças eu posso realizar sem que isso altere meu orçamento inicial? Defina isso durante as negociações para que o cliente posso saber exatamente o que receberá ao finalizar o projeto e evite esticar o trabalho mais do que o necessário.
  • Dentro da minha área de experiência, quais são as coisas que excedem minha capacidade? Tenho alguém a quem possa repassar os itens que eu não posso fazer? Muitos profissionais possuem colegas especializados em diferentes áreas com as quais estabelecem uma “equipe de trabalho” que possa dar suporte e apoio caso o projeto exija. Dependendo da complexidade do trabalho, sempre é bom contar com alguém especialista que possa nos dar um help para entregar sempre o melhor serviço ao nosso cliente.

Aqui você vai ver como se organizar para trabalhar

Depois de estabelecer esses pontos, você já está em condição de começar a se candidatar aos projetos!

Uma vez que já tenha combinado com o cliente os detalhes do projeto e fique estabelecido o contrato, pode começar o trabalho com a tranquilidade de que tudo (ou quase tudo) está alinhado com os requerimentos do seu cliente, evitando assim os problemas e desgostos.

No começo, pode ser que te custe um pouco seguir os passos, mas com o passar do tempo verá como se incorporará de maneira natural a sua rotina, fazendo seu dia a dia mais produtivo.

Se coloque sempre no lugar do seu cliente, tente compreender suas perguntas ou dúvidas sobre o projeto (considere que ele pode não ter o mesmo conhecimento que você no assunto e que lhe resulte um pouco mais complicado entender).

Se mantenha tranquilo e com uma atitude operativa, seja cordial e objetivo no que comunica.

No caso de conflito, tente propor uma solução e explique para ele quais benefícios têm a opção que lhe está oferecendo e porque isso vai ajudá-lo no seu projeto. Assim mostrará a sua dedicação, honestidade e interesse (tanto no projeto, como no cliente). Trate ao seu cliente da mesma forma que você gostaria de ser tratado, a comunicação é sempre clave para poder se entender.

 

Considere que cada projeto é uma possibilidade de conquistar a um cliente. Quanto melhor seja a relação entre vocês, maiores as possibilidades de formar um laço laboral a longo prazo. Agora vá em frente!

 

Pâmela Miranda é Account Manager da Workana Partners. Conheça o seu perfil aqui!

Anime-se a começar o seu empreendimento criando um projeto na Workana ou se lançando como profissional independente.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *