Garantindo uma boa experiência na Workana

Como prezamos o bom entendimento entre nossos clientes e usuários, sempre buscamos investir em dar orientações e dicas sobre o funcionamento da plataforma. É por isso que contamos com recursos como a Central de Ajuda, nosso Blog, nossa seção de Contato, além dos gerentes de conta, que atendem especificamente nossos clientes.

Desejamos que a convivência entre nossos usuários seja a melhor possível. Aproveite estas dicas para garantir uma boa experiência na plataforma. Desejamos que a convivência entre nossos usuários seja a melhor possível. Aproveite estas dicas para garantir uma boa experiência na plataforma.

No entanto, a interação humana, em sua natureza, já levanta muitas questões e, então, nunca haverá orientação suficiente para que tudo dê certo sempre. Com isto em mente, escrevemos este artigo, na intenção de evitar alguns mal-entendidos entre clientes e candidatos a seus projetos. Leia as dicas a seguir e garanta uma boa experiência na Workana!

Leia nossos materiais de orientação

A Workana é uma plataforma que, embora já estabelecida na Internet em vários países da América Latina, ainda é relativamente recente e, portanto, ainda há profissionais e clientes que não sabem ao certo como redigir seus projetos e propostas, o que pode gerar mal-entendidos.

Para evitar isto, utilize nossos recursos de orientação, como os artigos da Central de Ajuda, que ensinarão o cliente a redigir seu projeto da forma mais completa possível e o profissional, a redigir sua proposta da maneira mais atraente possível.

Caso tenha qualquer outra dúvida sobre as informações que você deve incluir em seu projeto/proposta, não hesite em entrar em contato conosco ou com seu gerente de conta (os clientes recebem um e-mail de apresentação de seu gerente de conta, com informações para contato – abusem desse recurso!).

Melhor pecar pelo excesso, do que pela falta

Mesmo que seu projeto fique extenso, ainda é preferível ler bastante e ter completo entendimento do propósito do projeto, do que ler um projeto sucinto que não detalha totalmente o trabalho a ser realizado, impossibilitando o cálculo da proposta.

Se você deseja publicar um projeto, tenha em mente que qualquer detalhe que pareça irrelevante para você pode ser indispensável para a elaboração de um orçamento preciso. Qualquer informação que descreva as atividades a serem realizadas, principalmente descrições detalhadas, pode influenciar o preço a ser proposto pelo profissional, além de influenciar o prazo também.

Comunique-se SEMPRE

É muito comum que aconteçam imprevistos em nossas vidas que nos façam abandonar ou adiar nossos planos. Então, se você é um profissional e já se comprometeu em aceitar um projeto, você tem 24h a partir da aceitação de sua proposta para se planejar e, de fato, manter seu compromisso. Se, nessas 24h, você perceber que não será capaz de realizar o trabalho proposto, entre em contato conosco, para que o projeto seja reaberto e o cliente possa escolher outro profissional.

Se você publicou um projeto e, em sua mente, já escolheu o profissional com quem prefere trabalhar, pedimos que considere todas as variáveis possíveis antes de comunicar esta escolha ao profissional. Não é incomum que clientes escrevam mensagens para profissionais comunicando sua escolha e, depois, por motivos diversos, desistam de aceitar a proposta do profissional escolhido ou, até mesmo, desistam de seguir em frente com o projeto publicado.

Não tem problema se você precisar adiar seu projeto – o ideal é que cancele seu projeto atual e o publique novamente quando for capaz de gerenciá-lo. No entanto, comunique isso aos candidatos e, principalmente, a possíveis profissionais a quem você já tenha dado sua palavra. Quem sabe, melhor do que ninguém, o momento certo de investir em seu negócio é você mesmo. No entanto, você certamente não quer ser responsável por desmotivar ninguém, certo? 😉

Proponha o preço certo, e não o menor

É muito comum que clientes publiquem projetos para a realização de múltiplas unidades de um produto. Por exemplo, o cliente pode estar precisando de um profissional para desenvolver 30 templates para sites. Neste caso, a proposta deve ser enviada para o “pacote” de 30 templates. No entanto, muitos profissionais enviam o preço de um template apenas, por ser um valor menor e parecer ser um preço mais competitivo.

Esse hábito pode se voltar contra o profissional: se a comunicação não for explícita o suficiente, o cliente pode entender que você está cobrando este preço para os 30 templates e, portanto, pode exigir que esta entrega múltipla seja feita. Então, é sempre mais seguro dar o preço do serviço total: sempre o preço certo, e não o que parecer mais atraente.

Além disso, mesmo que sua proposta seja compreendida, a Workana funciona da seguinte forma: se você propôs USD 5 por cada template e o cliente aceitar sua proposta de USD 5, você só poderá entregar 1 template, porque o cliente só conseguirá pagar, naquele projeto, o valor da proposta aceita (os tais USD 5). Depois, o cliente terá que criar outro projeto para os outros 29 templates que ficarão faltando. Em vez disso, depois que o cliente disser que aceita o seu preço, mas antes que ele aceite, de fato, sua proposta, vá às mensagens do projeto e clique na opção “Melhorar sua proposta”, para que você seja capaz de enviar outra proposta dentro do mesmo projeto. Então, multiplique o valor unitário pelo número de templates a serem produzidos e envie uma proposta relativa ao conjunto do serviço. Este seria o procedimento mais adequado.

Caso você tenha alguma dúvida, entre em contato conosco. Estamos aqui para ajudar!

Aproveitem estas dicas para melhor interagir entre si na plataforma da Workana. Assim, incentivamos a boa convivência em nossa comunidade: todos conseguem atingir seus objetivos e todos os envolvidos saem satisfeitos. 🙂

Bons negócios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *