Freelancer na Workana: Todo um desafio

Freelancer na Workana: Todo um desafio

O meu nome é Andrea. Com meus 30 anos e com apenas 7 anos como profissional, tenho uma história profissional dividida em etapas de ANTES e DEPOIS de me tornar freelancer.

A etapa do ANTES é muito simples de contar. Sou do interior da província de Córdoba, motivo pelo qual estudei na capital como quase todos da minha geração de universitários. Comecei a trabalhar antes de me formar Contadora Pública e durante alguns anos fiquei na mesma empresa, mas a minha intenção como jovem profissional era continuar aprendendo e conseguir uma experiência maior em empresas maiores nas quais eu pudesse ir crescendo e “fazer carreira”.

Levando em conta que no geral as coisas não acontecem como planejamos, o que passou foi muito diferente.

Acontece que eu me apaixonei por alguém da minha cidade e as voltas que a minha vida deu (e o amor ;)) fizeram com que eu voltasse a viver no lugar que havia deixado há dez anos. Foi duro enfrentar a dificuldade de se mudar para estudar em uma cidade maior; a dificuldade maior ainda de retornar depois de tantos anos; deixar de lado certa independência, o sonho de trabalhar em uma grande empresa e as possibilidades de um crescimento econômico quase assegurado.

Comecei do zero em um escritório contábil local, muito assustada e sentindo que estava presa a um trabalho no qual aprendia muito, mas não no qual eu poderia crescer. Até aqui seria o resumo do meu ANTES. Mas o melhor está por vir…

Freelancer: O DEPOIS!

freelancer andre ceridono na Workana

O DEPOIS começou em setembro de 2014. Eu já estava convivendo com o meu atual namorado e estava inquieta por estar lidando com algo que me gerava alguns pesos extras no pouco tempo que me restava ao sair do escritório. Foi assim que em uma das tantas buscas por atividades alternativas na internet (aqui, devo esclarecer que sou muito inquieta, já que  na minha vida se misturam os números com estudos de canto, estudo em ritmos e aerobox), encontrei a WORKANA.

Parecia algo muito novo e por sua vez me parecia incrível isto de poder participar de um projeto trabalhando em casa, e por sua vez ter a segurança de que vai receber o pagamento! Acabei ficando curiosa e criei o meu perfil de freelancer. Com muita, muitíssima sorte, consegui o meu primeiro projeto em poucos dias, ainda um pouco descrente deste sistema. Consegui realizá-lo, fui qualificada e comecei a ganhar pontos que melhoravam a “reputação” do meu perfil. A partir deste momento eu não parei mais!

Me animei mais, comecei a ganhar alguns projetos de assistente remoto, muito distantes do meu perfil profissional, mas que me serviram não só para aprender sobre o mecanismo do site, mas também para melhorar como profissional, e que, como um plus, me motivavam muito. Descobri que realmente é possível trabalhar em projetos nos quais eu escolho participar por vontade própria, com vontade e na comodidade da minha casa. A WORKANA, para mim, me deu um desafio de melhorar constantemente, desde o design de um currículo ou de uma proposta atraente até na comunicação com os clientes e a finalização de cada projeto.

Meses depois, por intermédio da equipe da WORKANA, chegou o meu primeiro cliente para o qual eu seria 100% contadora. Foi e é uma experiência excelente de trabalho freelance, foi uma novidade para mim assessorar um cliente que eu não conhecia pessoalmente, só por Skype, e toda uma valentia para ele confiar as finanças de sua empresa do zero a um contador do qual não podia ir bater na porta do escritório nem se quer para lhe entregar papéis.

Pouco a pouco fomos nos organizando, e com muitas ferramentas que a SANTA INTERNET nos proporcionou, hoje posso dizer que levamos quase um ano trabalhando juntos freelance, com uma relação até mais fluída que com um cliente local.

Experiências como estas me ajudaram a crescer muito como freelancer e também na vida pessoal. Atualmente estou agradecida porque os projetos aumentaram e eu consegui manter relações duradouras com clientes de toda a América Latina, as quais eu valorizo muito, porque a escolha para compartilhar o trabalho freelance é mútua.

Tudo isso foi a WORKANA que me deu, e faz com que o meu horizonte como profissional (agora freelance) tenha voltado a ter uma expectativa tanto quanto ou mais ampla do que na época em que eu me formei. Rompi barreiras temporais e geográficas que hoje me fazem sentir uma freelancer cheia de energia e pronta para continuar aprendendo e melhorando com cada projeto conquistado.

Andre Ceridono

Positiva e inquieta de nascença, contadora pública, professora de aeróbica e freelancer feliz, nesta ordem.

Se você quer experimentar o freelancing e ver se supera as suas expectativas, na Workana você pode encontrar muitos projetos para profissionais como você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *