Como uma excelente gestão de redes sociais pode definir um antes e depois nas suas vendas

Como uma excelente gestão de redes sociais pode definir um antes e depois nas suas vendas

Construir o seu próprio negócio tem sido, sem dúvida, um grande desafio que já lhe deu muita satisfação. Saber que cada dia de trabalho é para você e o crescimento do negócio envolve o seu próprio sucesso, não tem preço!

Embora você esteja muito feliz com tudo o que conseguiu até agora, também sabe que ainda precisa ser feito muita coisa. Sua PME precisa crescer, alcançar mais clientes e concretizar vendas maiores. Você já pensou em ter presença digital para alcançar estes objetivos? Sabia que as redes sociais podem te ajudar a conseguir um crescimento orgânico?

Estar presente na internet já não é algo que deve ser questionado, pois 50% da população da América Latina está conectada à internet (CEPAL 2016) e este número só aumenta. Várias vezes escutamos a frase “Se você não está na internet, você não existe”. Pode parecer exagerado, mas quem de nós nunca usou o Google para procurar qualquer coisa?

É de vital importância que os seus clientes e potenciais clientes possam encontrá-lo na internet, seja através de um perfil nas redes sociais, um site da sua empresa ou em ambos. De qualquer forma, devemos fazer a diferença! O site comunicará os aspectos do seu negócio e as informações que você escolher. Será onde os clientes buscarão informações, detalhes sobre seus serviços, localização, ofertas, etc. Para criar seu perfil nas redes sociais você deve saber de tudo isso, mas com um diferencial e valor agregado: a interação.

Por que minha PME precisa ter um perfil nas redes sociais?

As redes sociais não são um mero campo “social”, como definido pelo seu nome. As pessoas geralmente usam com esse propósito (ou profissional), mas também são ótimas aliadas para que as empresas consigam atingir diretamente seu público objetivo. Descubra aqui a fórmula para ganhar seguidores.

Elas são uma fonte incrivelmente valiosa para interagir, que não seria possível no mundo físico ou você realmente acha que poderia reunir todos os seus clientes em um evento e conversar com eles todos os dias? :O

A presença nas redes sociais permite interagir e conversar com os usuários da sua marca. Você deixará de ser apenas uma empresa isolada para se tornar um interlocutor com quem seus clientes ou potenciais clientes podem manter uma conversa fluente para tirar dúvidas, fazer perguntas, discutir determinados temas ou criar debates com você.

Por que não começar a sua estratégia através de um projeto desenvolvido por um designer especialmente para as redes? Logo após, você pode procurar entre os melhores perfis de Community Managers para que juntos desenvolvam uma estratégia para sua marca.

Como começar a gerenciar a mídia social da minha empresa?

Para gerenciar seus perfis sociais com sucesso, primeiro você precisa definir alguns parâmetros:

  • Qual será o tom que você utilizará para se comunicar com seus interlocutores?
  • Qual tipo de personalidade terá a sua marca?
  • Quais conteúdos você vai compartilhar através dos seus perfis?
  • Para quem você direcionará a sua comunicação? Quais serão as características e interesses dessa comunicação?

Com estas perguntas adequadamente respondidas, você pode começar a montar uma estratégia e definir quais ações incluirá nas suas campanhas. Em breve, eu vou recomendar algumas perguntas que contribuirão para o seu crescimento orgânico.

Neste link, você encontra os melhores freelancers de Mídias Sociais para gerenciar as suas redes sociais.

O que é crescimento orgânico?

Representa o aumento das interações e interessados na sua marca, como resultado das ações que você implementou nas redes sociais através das interações de pessoa para pessoa (nada de bots ou automatizações).

A diferença dele com o crescimento pago, é que este último pode gerar um maior impacto na quantidade de público atingido, mas não vai durar por muito tempo se você não complementá-lo com ações orgânicas.

Este tipo de estratégia pode ser utilizado em várias plataformas sociais como: Facebook, Twitter, Instagram, etc. Onde você também pode investir algum dinheiro e gerar mais visibilidade em uma das suas publicações ou ações específicas. Embora tenha um bom impacto, eu recomendo que nunca pare de investir no seu crescimento orgânico, pois será o diferencial da sua marca.

Ações para potencializar o seu crescimento orgânico nas redes sociais

1. Defina o que você quer alcançar com a sua mídia social

Você deve ter um objetivo: o quê eu quero conseguir com a minha presença nas redes sociais? Além de gerar crescimento orgânico (como já comentamos) você também deve propor outros objetivos em paralelo, por exemplo, ser um líder de um setor específico, informar aos clientes e potenciais clientes sobre produtos, interagir com o público e conhecer os seus reais interesses, informar dados úteis sobre a indústria, etc.

Esses objetivos definidos vão orientar as suas ações para que sejam reproduzidas nos seus perfis. Neste ponto, também é importante considerar se vale a pena ter mais de uma conta na mesma rede social. Mesmo que você tenha um objetivo específico para suas redes, os usuários não sabem disso e usarão o seu perfil social para entrar em contato diretamente contigo para fazer perguntas (especialmente para casos de suporte). Portanto, é interessante se perguntar se realmente quer ter diferentes perfis com diferentes objetivos.

Por exemplo, a Workana no Twitter também tem a @WorkanaHelp para canalizar os assuntos de suporte e a @WorkanaBR para centralizar todos os conteúdos em Português.

2. Defina o que você vai usar nas redes sociais

Isso vai depender do tipo de conteúdo que você quer compartilhar. Não é necessário ter presença em todas as redes sociais, mas deve avaliar quais são as mais populares e quais delas vão gerar valor para sua marca. Vejamos algumas das redes mais conhecidas atualmente:

redes sociais

  • Instagram se concentra em imagens e conteúdo visual. Você não pode subir publicações sem imagens ou vídeos. Se você deseja focar nesse aspecto ou sua empresa tem muito fluxo visual para mostrar, não hesite em utilizá-lo. No entanto, se o seu negócio é virtual e é difícil mostrar visualmente o que você faz, não pense duas vezes em contratar um profissional especializado para te ajudar a entender o espírito da sua empresa e gerar conteúdos incríveis de forma criativa. Comece a idealizar agora mesmo a sua estratégia para Instagram!
  • O Twitter permite gerar debates e te deixa sempre informado sobre os mais recentes acontecimentos e tendências no mundo. Ele será o seu aliado para conversar e interagir com muitas pessoas (não necessariamente os seus seguidores) de diferentes assuntos que, em geral, são agrupados por hashtags. Veja quem pode te ajudar a dar os primeiros passos no Twitter.
  • O Facebook será o seu parceiro na hora de compartilhar diferentes tipos de conteúdos e ficar mais perto da vida social dos seus clientes potenciais. É uma das redes mais usadas para compartilhar conteúdos de todos os tipos com amigos e conhecidos. Comece a planejar hoje mesmo suas ações no Facebook
  • O Linkedin pode te ajudar a se tornar uma referência no mundo corporativo e laboral. Tudo o que você postar lá será compartilhado e visto por profissionais no setor onde sua empresa atua e com uma visão do mercado de trabalho, onde o objetivo é relacionar profissionais e empresas. O foco é no conteúdo de cada publicação e na riqueza que tem para ser compartilhada com os outros. Comece a pensar em uma estratégia para o Linkedin
  • O Pinterest ajuda a organizar e mostrar o seu conteúdo de forma divertida e original. Se os usuários gostam das suas publicações, eles podem adicioná-las nas suas páginas e mantê-las aí para que outros usuários também vejam. Neste caso, o foco é visual e estético. Procure um profissional para te ajudar com esta rede!
  • O Youtube ou o Vine serão ótimas ferramentas para centralizar os vídeos que você possui. É sempre útil poder tê-los todos juntos e criar um canal que te representa naquela comunidade. Se alguém quiser ver seus vídeos, você já sabe onde e como encontrá-los;) Encontre os melhores freelancers para começar hoje mesmo!
  • O Snapchat é atualmente muito popular, mas é caracterizado pelo seu estilo descontraído e orientado para o público jovem. No entanto, sua popularidade vem diminuindo desde que o Instagram adotou o formato “Stories” para mostrar atividades ao vivo e adicionar divertidos emojis na tela, e agora ambas plataformas são similares. Deixe que um especialista cuide disse para você!

O ideal, embora todas as redes sociais sejam diferentes, é definir uma linha de conteúdos semelhantes e adaptá-la de acordo com as características da rede que você selecionar.

Você não deve estar em toda parte, mas sim avaliar qual será a mais útil para você, considerando como o seu público está composto, do que se trata seu negócio e quais conteúdos você deseja compartilhar.

3. Prepare uma estratégia

redes sociais

Daqui em diante, é necessário pensar e ser criativo, dar lugar a sua imaginação e idealizar uma campanha que te ajude a conseguir o que você quer.

É recomendável que o seu conteúdo seja bem variado, tenha textos de sua autoria e também de outras pessoas que sejam de interesse para o seu público. Considere também imagens, GIFs e vídeos, pois geram mais tráfego e tornam suas publicações mais atraentes.

Com os celulares, felizmente, tornou-se muito mais simples fazer sequências de vídeos curtos para compartilhar na web e tirar fotos (inclusive adicionando efeitos divertidos). Para criar gifs, nós te recomendamos fazer uma conta no Giphy.

É muito importante tentar sempre direcionar o conteúdo da sua página. Isto é, se você publicar uma imagem, adicione um link relacionado ao conteúdo, produto ou serviço que o seu negócio fornece. Assim irá atrair usuários através da sua publicação interessante ou divertida e, em seguida, orientá-los para ações mais concretas como uma compra pontual, subscrição, envio de dados, etc.

4. Esteja atento às hashtags

Especialmente no Twitter e Instagram, as hashtags são muito importantes. Se você nunca viu uma, elas estão sempre precedidas pela símbolo # e, em seguida, há uma palavra ou frase que resume uma ideia ou conceito. Elas são usadas para agrupar temas e conversas sobre o mesmo assunto.

Desta maneira, as pessoas que querem informações sobre algo em particular, devem apenas pesquisar por essa hashtag e terá à sua disposição todas as publicações feitas no mundo inteiro sobre esse assunto (também pode filtrar por localização, idioma, etc) .

Se você quiser, como marca, estar envolvida em alguns temas relevantes, dar a sua opinião, compartilhar dados e conversar com as pessoas interessadas nela, saiba que é a forma ideal para encontrá-los. Lhe dará exposição a novos clientes, te destacará entre seus concorrentes e, especialmente, mostrará que você não é um simples “vendedor de produtos/serviços”, mas uma marca com personalidade, que pensa, opina e debate. Além de transmitir uma imagem que demonstra que você está aberto para dialogar, fazendo seus usuários saberem que podem contar contigo para atender às suas necessidades. E então, você não será mais um simples logotipo que apenas fala sobre os seus produtos e passará a ser um agente interlocutor com quem é possível dialogar.

5. Siga os usuários potenciais, leads e figuras importantes

Ter seguidores, recomendações ou likes é algo que leva tempo. Embora existam outras maneiras de ter milhares e milhares de usuários, elas não estão alinhadas com o crescimento orgânico que estamos falando agora.

Para fazer as pessoas te seguirem, você deve combinar diversos fatores. Primeiro fornecer conteúdo de interesse para o público chave. Afinal, você seguiria uma fanpage ou perfil do Twitter que só compartilhar coisas chatas ou irrelevantes? Claro que não, por isso você deve pensar muito bem nos seus conteúdos antes de publicá-los, como já falamos anteriormente. Em seguida, interagir com as pessoas usando as hashtags relacionadas com a sua área de interesse e tudo isso permitirá a geração de novos contatos.

Finalmente, existe o que eu chamo de “técnica de formiguinha”, que consiste em fazer uma busca com as palavras-chave do seu negócio e descobrir quais usuários as utilizam em suas publicações ou as têm como parte da descrição do seu perfil. Desta maneira, você conseguirá pistas para entender se vale a pena segui-los ou não e, depois esperar que eles te sigam de volta.

Aplicar esta estratégia no Facebook é algo mais complicado porque como página não é possível enviar convites, MAS você pode fazer isso através do seu perfil pessoal, por isso não tenha medo de convidar seus contatos para dar Like na sua página e incentivá-los a compartilhá-la com seus amigos.

Algo que pode ajudar neste ponto são as campanhas de likes:

Para obter mais likes/seguidores em qualquer uma das suas redes, você pode construir uma campanha/concurso onde ofereça um produto ou serviço específico do seu negócio (ou desconto), exigindo que os envolvidos dêem Like na sua página ou publicação (ou seguir a sua página) e compartilhar ambos ou uma delas nas suas redes sociais.

Com isso, você conseguirá mais visibilidade e depois que os usuários sigam sua página ficarão cientes de tudo o que você publica. Quem nunca viu amigos compartilhando fotos de pratos de comida para ganhar um jantar grátis em um restaurante?

6. Crie campanhas para gerar interações

As interações são muito valiosas em todas as redes sociais porque envolvem uma participação direta das pessoas com a sua marca. Mas tome cuidado, pois pode ser algo positivo ou negativo (se você teve uma má experiência ou se não consegue dar o que é esperado) e deve sempre estar ciente delas para saber como lidar com isso.

Você não deve esperar que alguém fale contigo, tem que ser proativo e gerar conversações. Estar ciente dos eventos realizados na comunidade pertencente ao seu setor ou áreas de interesse para seu público e levar em consideração as datas ou acontecimentos importantes para eles ou para a sociedade em geral será uma estratégia importante para encontrar pessoas e ocasiões para interagir com seu público.

Não seja tímido! Quando se deparar com situações iguais a essa, se anime a conversar com pessoas desconhecidas, pois no futuro elas podem se tornar seus clientes ou até mesmo influenciadores ou pessoas chave para atrair mais clientes para seu negócio. Estabeleça conversas interessantes com elas, pedir sua opinião sobre um tema específico e estar atento ao que eles compartilham ou publicam para começar as interações. Você deve sempre procurar maneiras criativas para falar com seu público para que eles não fiquem entediados e manter o interesse.

Cada mensagem que você postar é uma nova oportunidade para mantê-los envolvidos e despertar interesse nas comunidades paralelas, porque o que você escreve aparecerá nas páginas daqueles que te seguem e tem um efeito exponencial sobre sua lista de contatos. Por isso é muito importante usar as palavras certas, pense bem antes de escrever e responder, verifique a ortografia e gramática, construa orações atrativas e naturais 🙂 Contrate um especialista em redação e revisão de conteúdos.

Avalie as suas ações e meça os resultados

Todas as redes sociais fornecem uma análise de desempenho, uma informação de valor inestimável que permitirá entender quais ações tiveram melhor desempenho do que outras, em quais datas e o impacto que cada uma delas teve. Com estes dados será muito fácil analisar e ajustar as suas estratégias.

Eu sugiro que você escolha um tempo para analisá-las, como por exemplo, o final de cada mês e ir anotando em um documento os resultados para mais tarde comparar e estudar o desempenho que você teve. Neste artigo, te mostraremos quanto dinheiro você perde por não medir bem o seu canal online.

 Você já está pronto para colocar em prática a sua estratégia online? Comece aqui!

Conselhos finais

  • Mantenha-se informado: O mundo digital está mudando constantemente, por isso é extremamente importante que você esteja sempre atualizado (ou contrate alguém para fazer isso por você) sobre as últimas tendências em Marketing Digital e especificamente em redes sociais, para não ficar atrás dos seus concorrentes.
  • Inove: Você sempre deve agregar valor à sua estratégia. Se você acha que algo funcionou, faça-o novamente, mas adicione algo diferente e experimente com novas possibilidades.
  • Complemente a sua estratégia de redes com uma boa campanha de Email Marketing e posicionamento nos buscadores. Veja como fazer isso! 
  • Divulgue o seu perfil nas redes sociais em todos os lugares que você possa: e-mails, sites, etc. Desta maneira, conseguirá que o seu público te conheça, te siga e faça parte das suas ações.
  • Confie em um profissional especialista: Você sempre pode contar com um parente ou conhecido (ou inclusive você mesmo) para gerenciar as redes sociais, mas um especialista conseguirá mais e melhores resultados, pois com a sua experiência poderá te aconselhar sobre o que sua empresa precisa e, o mais importante, ele dedicará seu tempo especialmente para você. Concentre-se no seu negócio e deixe que outra pessoa faça esse trabalho para você. Assim cada um desempenhará o seu lado melhor 😉

 

Agora que você tem todas estas dicas, não terá mais desculpas para não estar nas redes sociais aproveitando todos os benefícios que ele oferece!