Atividade freelance cresce 80% em 2018

Com mais de um milhão de profissionais cadastrados, Workana aponta crescimento da modalidade na América Latina; Brasil é maior mercado com 50% dos profissionais

São Paulo, fevereiro de 2019 – Em 2018, o número de microempreendedores individuais (MEIs) cresceu mais de 50%, de acordo com dados do Portal do Empreendedor, e com isso, a atividade freelance também aumentou: segundo um levantamento realizado pela Workana, plataforma de trabalho freelance com atuação em toda a América Latina, a modalidade cresceu 80% em 2018. Dentre os mais de um milhão de profissionais cadastrados na Workana, 50% são do Brasil.

De acordo com Guillermo Bracciaforte, cofundador da Workana, a categoria vem crescendo exponencialmente e acompanha a formalização de profissionais autônomos, bem como o perfil do profissional que busca uma nova forma de trabalhar, como os mais experientes no mercado que querem mudar o rumo de suas carreiras. “Hoje em dia, a flexibilidade de horários e liberdade de atuação são pontos que vêm ganhando força entre os trabalhadores. A atividade freelance proporciona uma qualidade de vida e oportunidade de crescimento que não se encontra com facilidade em trabalhos regulares”, explica Bracciaforte.

As áreas que mais cresceram no período, assim como as mais procuradas para 2019, foram Suporte Administrativo, Suporte ao cliente, TI e programação, Design e Multimídia, e Marketing e vendas. Bracciaforte analisa que as empresas estão se posicionando cada vez mais no meio digital, e que o crescimento de profissões nessas áreas é decorrente da necessidade do mercado. Prova disso são as grandes empresas, que cada vez mais, estão contratando profissionais remoto.

Um ponto que Bracciaforte destaca foi a grande procura por assistentes que, nas áreas de suporte administrativo e suporte ao cliente, tiveram um crescimento de mais de 700% apenas em 2018. “Cada vez mais empresários e empreendedores contratam assistentes para realizar suas tarefas diárias, ou também as tarefas do seu negócio que são necessárias, mas não são prioridade em sua agenda. É possível notar um grande aumento na contratação de assistentes freelance, que se dá por conta da popularização desta nova profissão no último ano”, aponta.

Plataformas como a Workana, que dão suporte aos freelancers, além de conectarem profissionais e empresas que buscam serviços, também apresentam crescimento a cada ano. Fundada em 2012, a empresa dobrou sua atuação em relação ao ano anterior, já possui mais de 1 milhão de freelancers cadastrados e 340 mil projetos realizados em 2018, nas oito categorias disponíveis no site.

Na Workana é possível contratar e oferecer serviços nas áreas de TI e programação, design e multimídia, tradução e conteúdos, marketing e vendas, suporte administrativo, jurídico, finanças e administração e engenharia e manufatura. Para encontrar, basta acessar o site www.workana.com.

Sobre a Workana

Fundada em 2012, a Workana é um marketplace que conecta freelancers a empresas e possui atuação em toda a América Latina. A plataforma oferece flexibilidade e agilidade na contratação de profissionais para os projetos cadastrados. Com quatro anos de atuação, a empresa já atingiu a marca de 340 mil projetos postados na plataforma e possui, atualmente, mais de 1 milhão de freelancers cadastrados.

Mais informações para a Imprensa

NR-7 Comunicação

 

 

 

Nelson Rodrigues (nelson@nr-7comunicacao.com.br)

Julyana Castro (julyana.castro@nr-7comunicacao.com.br)

Bruno Galo (bruno@nr-7comunicacao.com.br)

Emeline Domingues (emeline.domingues@nr-7comunicacao.com.br)

Flávia Schott (flavia@nr-7comunicacao.com.br)

Tel.: (11) 2344-9100

 

Faço parte da equipe de Content e PR da Workana. Redatora, tradutora, web designer, apaixonada por aprender, empreender e viver.

Subscribe to the Workana newsletter and keep updated