O trabalho freelance me permite viver a vida que quero

O trabalho freelance me permite viver a vida que quero

Meu nome é Marta, sou espanhola e combino o meu trabalho de mãe com o de freelance.

Atualmente, vivo no Principado de Andorra, em pleno Pirineo, rodeada de montanhas, rios, vegetação e uma fauna muito variada. Este país é perfeito para praticar e aproveitar os esportes de montanha. Vive-se muito bem e tranquilo, já que não há delinquência e está um pouco distante da cidade, só se respira a tranquilidade e os aromas da  natureza.

trabalho-freelance-a-vida-que-quero-na-natureza-workanaUma das coisas que eu mais gostei quando cheguei, além das montanhas, dos bosques e dos rios, é a combinação cultural que encontramos. Andorranos, espanhóis, franceses e portugueses, entre outros, convivem diariamente respeitando costumes e crenças. Acaba sendo curioso quando você sai, o fato de que eles podem falar em catalão, francês, espanhol, em português ou até em inglês, mudando rapidamente o idioma  se você não os entende.

No meu trabalho freelance me dedico a muitas tarefas

Sobretudo, a criação de conteúdo, atenção ao cliente,  assistente virtual, community management e publicidade em Adwords e Facebook.

Durante anos, eu me dediquei ao trabalho tradicional que me separava totalmente da minha família, dos meus hobbies, etc. Então, uma doença me obrigou a me retirar para a natureza e viver isolada, por isso se tornou impossível ter um trabalho presencial. Isso me levou a descobrir o trabalho freelance e a me formar em um curso online para me dedicar a ele.

Agora, eu sou feliz porque posso trabalhar em qualquer lugar que tenha acesso wifi sem ter que me separar da minha família, nem renunciar as coisas que eu gosto.

trabalho-freelance-a-vida-que-quero-workana-marta-1Todos os dias eu saio para praticar caminhada nas montanhas com o meu filho pequeno e nós aproveitamos muito. Praticamos um dos melhores esportes que existe: “ANDAR”, e todos os dias descobrimos algum lugar incrivelmente bonito e novo para nós.  Costumamos sair algumas horas durante a manhã e novamente um pouco mais tarde (se não chove).

Com uma boa organização, combinar o esporte com o meu trabalho freelance fica muito simples.

Quando voltamos do passeio, eu volto a trabalhar durante algumas horas enquanto o meu filho brinca com os seus brinquedos, depois passo o resto do dia dedicada a minha família e meus hobbies, e quando o meu filho vai dormir, trabalho mais um pouco entre duas e quatro horas, dependendo da quantidade de trabalho que tiver.

O melhor de tudo é a flexibilidade horária e a facilidade de trabalhar em qualquer lugar, o que me permite viver a minha vida feliz com a minha família e sem ter que renunciar a nada.

Eu sempre gostei de praticar esporte e, sobretudo, eu gosto de acompanhar os jogos Olímpicos porque nos dão a oportunidade de aproveitar uma ampla variedade de esportes. Apesar de não estar de férias, durante as tardes sempre reservamos um momento para acompanhar os jogos na televisão e explicar ao meu filho em que consiste cada esporte enquanto ele fica concentrado e animando os esportistas.

O trabalho freelance me permite viver a vida que quero viver e adaptá-lo a qualquer momento de acordo com as minhas necessidades, além disso eu gosto do que faço, por isso trabalhar se torna um prazer, o que me torna muito mais produtiva, criativa, resolutiva e muitas coisas mais ao realizá-lo.

Convido vocês a se juntarem às #OlimpiadasFreela para experimentar o que é ser freelancer!

Marta Díaz, freelancer de Tradução e Conteúdos na Workana.

Converta-se em um Medalhista Olímpico da Workana, comece a se candidatar a projetos, cuide da sua saúde para que tenha muito energia para trabalhar com o seu cliente e ganhar mais estrelas de qualificação que te ajudarão com a sua reputação e consequentemente ganhar mais clientes. Saiba como ganhar Medalhas nas Olimpíadas Freela!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *