A Workana Brasil em números

No âmbito de negócios, é muito comum ouvirmos as palavras “tendência” e “métricas”. Mas por que será? As tendências marcam as nuances do mercado que estão em crescimento e que, portanto, trarão maior retorno ao investimento que fizermos nelas. As métricas são as formas que temos de medir o crescimento dessas tendências. Pensando nisso e na importância de acompanhar os movimentos do nosso mercado, nós, da Workana, traremos para vocês periodicamente algumas métricas interessantes e dados curiosos do Brasil na Workana, para que vocês mesmos possam acompanhar o crescimento do público brasileiro na plataforma. Assim, vocês poderão ver com clareza o quanto é valioso criar seu perfil na Workana e investir na modalidade de trabalho remoto. A seguir, uma infografia que fizemos especialmente para resumir as informações desse artigo.

métricas Brasil na workana

Para começar, trazemos para vocês uma visão geral da presença brasileira na plataforma. De todos os membros cadastrados na Workana, profissionais e clientes, de todos os países do mundo, o Brasil representa 24,7% do total. Para um país tão antenado quanto o Brasil, não era de se esperar menos – desde a criação da Workana, a modalidade de trabalho remoto vem crescendo na América Latina e o Brasil acompanhou essa tendência com esplendor: no último semestre, em comparação com o semestre anterior, houve um crescimento de 195,6% no número de usuários brasileiros, incluindo profissionais e clientes.

A evolução da presença brasileira na Workana não se limita aos profissionais não. Houve um aumento de 601% no número de projetos publicados por clientes brasileiros em comparação com o semestre passado. Isto é ótimo por dois motivos:

  1. Cresce a oferta de serviços, mas a demanda cresce mais ainda. Isso garante trabalho para todos, de modo que todos os novos usuários que chegam à plataforma não fiquem “a ver navios”.
  2. Isso também diminui a concorrência entre profissionais mais e menos qualificados, ou mais e menos experientes, visto que a demanda é tão grande que todos têm chances de conseguir o trabalho que merecem.

Ao contrário de outros países da América Latia, onde grande parte dos projetos são realizados para clientes de outros países, quase 90% dos projetos realizados por profissionais brasileiros são para clientes do mesmo país. Provavelmente, falar o mesmo idioma favoreça mais a demanda e oferta cruzadas no resto da América Latina.

Top do Top

Na nossa lista de métricas, temos dois Top 3: países que mais publicam projetos e países com maior quantidade de usuários registrados. Eis que o Brasil lidera os dois Tops, representando 24,7% de todos os usuários registrados na plataforma e 28,6% de todos os projetos publicados na plataforma. É de se apaixonar!

Para os poliglotas

O aumento de 50% no número de usuários do mundo todo em comparação com o semestre anterior, incluindo profissionais e clientes, garante maior oferta de talento para novos clientes ou negócios em expansão. Isso dá aos empreendedores a chance de escolher de uma gama maior de profissionais aquele que se encaixa melhor em seu projeto.

O cenário é semelhante para os profissionais. O número de projetos do mundo todo, em relação ao semestre passado, cresceu em 155,57%. Isso quer dizer que você mesmo também pode começar a filtrar melhor os projetos a que deseja se candidatar, principalmente se seu nível de perfil não permitir muitas propostas por semana, além de mostrar uma maior demanda internacional pelos seus serviços.

Profissionais, aproveitem esse crescimento todo para conseguir mais clientes e novos projetos! Clientes, essa é a melhor fase para contar com os talentos cadastrados na Workana para obter os melhores resultados para seu negócio.

E para você, que ainda não fez seu perfil na Workana: esses números são o reflexo do seu futuro sucesso na plataforma. Use o crescimento dessa modalidade de trabalho para atender à sua demanda atual: aumentar sua cartela de clientes ou cuidar de seu negócio.

Fiquem ligados. Em breve, mais métricas e tendências brasileiras para vocês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *